31.5.06

C&A


Suas lojas possuem uma filosofia simples: vender o melhor da moda por preços justos. Calçados, roupas íntimas, infantis, femininas, masculinas e muitos acessórios, tudo exposto de uma forma prática em um ambiente moderno. Foi com esse conceito simples que a rede varejista C&A se tornou uma das mais influentes e populares lojas de roupas e acessórios para toda a família. 

A história 
Os primeiros membros da família Brenninkmeyer eram comerciantes de linho e produtos têxteis no século XVII, mas a história do êxito começou há mais de 200 anos quando os irmãos Clemens e August (cuja união das inicias de seus nomes resultou na marca C&A) abandonaram sua casa na pequena cidade de Mettingen, localizada no norte da Alemanha, e abriram um centro de distribuição para comercializar produtos têxteis na pitoresca Sneek, na Holanda, em 1841. A primeira loja com a marca C&A foi aberta somente em 1861, obtendo um grande êxito. Foi uma das primeiras lojas no mundo a oferecer roupas prontas em diversos tamanhos aos consumidores, cujo principal atrativo era o preço acessível de seus produtos. Em 1910, a C&A já tinha estabelecido uma vasta rede de lojas em toda a Holanda, presente em cidades como Leeuwarden, Amsterdam, Utrecht, Rotterdam, Groningen, Leiden, Haarlem e Enschede.


A expansão para o exterior foi o passo seguinte. Outros membros da família fundaram lojas da rede na cidade de Berlim na Alemanha em 1911, primeira grande loja de departamento da cidade; e na Inglaterra em 1922. Logo depois da Segunda Guerra Mundial, a empresa que tinha como maior mercado a Alemanha, encontrava-se em sérios apuros, afinal boa parte de suas lojas no país estavam fechadas ou destruídas, sem contar o fato da economia alemã estar combalida. Nos anos seguintes, a C&A resolveu recomeçar seus negócios na Alemanha com uma forte onda de expansão que resultou na inauguração de inúmeras lojas. A segunda onda de expansão teve lugar muito mais tarde, em um clima social e econômico muito diferente. Foi iniciada em 1963, com uma unidade na Bélgica, localizada na cidade de Antuérpia.


Em 1972, a C&A estabeleceu-se na França, e no ano seguinte na Espanha. Nessa trajetória de sucesso, em 1976 foi inaugurada a primeira loja em território brasileiro, localizada no Shopping Ibirapuera, na cidade de São Paulo. Baseada no tripé moda/qualidade/preços acessíveis, a C&A rapidamente conquistou uma parcela exigente do mercado que restringia suas compras às butiques. A marca ficou famosa no país com o ator e bailarino Sebastian atuando em suas propagandas desde 1989, e a partir de 2001 com a modelo Gisele Bündchen; além é claro do inesquecível slogan “Abuse e Use”. Enquanto isso na Europa a marca expandia-se rapidamente, fincando bandeira na Suíça em 1977 e Luxemburgo em 1982. Seguiu-se a Áustria em 1984, Portugal em 1991, República da Irlanda em 1998, República Checa em 1999, Polônia em 2001 e Hungria em 2002, mesmo ano em que encerrou atividade no mercado inglês, estabelecendo assim a marca C&A em boa parte dos países do velho continente. Nesse ínterim, a rede inaugurou em 1999 sua primeira loja no México.


Em 2006 a C&A iniciou a venda de roupas feitas com algodão orgânico certificado, demonstrando assim sua responsabilidade com o meio ambiente. No ano seguinte, a rede europeia inaugurou suas primeiras quatro lojas na China, ingressando assim em um dos maiores mercados consumidores do planeta. Nos dois anos seguintes abriu suas primeiras unidades na Eslovênia, Eslováquia, Turquia e Itália. Pouco depois, a rede inaugurou no centro da cidade de Porto Alegre a primeira loja C&A Eco do país e a segunda da rede no mundo. A primeira foi inaugurada em outubro de 2008, em Mainz, na Alemanha. A loja Eco é planejada para contemplar a redução do consumo de água, energia e o uso de produtos ambientalmente corretos, com o intuito de reduzir os impactos ambientais causados durante a construção e a operação da unidade.


Um dos grandes sucessos da rede de alguns anos pra cá foi firmar parcerias com grandes estilistas brasileiros que assinam coleções exclusivas para a C&A Collection. Dentre eles, Reinaldo Lourenço, Isabela Capeto, Amir Slama, Alexandre Herchcovitch, Sergio K, Glória Coelho, entre outros nomes. Além disso, um projeto batizado C&A Pop Fashion, utiliza pessoas do mundo musical e celebridades, como as cantoras Fergie e Nicole Scherzinger, vocalista do grupo The Pussycat Dolls, Beyoncé, Christina Aguilera e Gisele Bündchen, que assinam coleções modernas e exclusivas para a marca. No final de 2011, a rede apresentou sua primeira parceria com um dos maiores nomes da moda internacional e anunciou o lançamento da coleção exclusiva Stella McCartney para C&A. No ano seguinte foi vez do badalado estilista italiano Roberto Cavalli assinar uma coleção exclusiva, ousada e sensual para a C&A. Essas coleções garantem a C&A, além de prestígio, enormes quantidades de vendas e faturamento.


A partir de 2001 a rede iniciou reformas em suas unidades, em linha com o novo conceito de design e arquitetura, que tornaram os ambientes mais descolados e modernos. Claro que, desde a sua primeira loja, muita coisa mudou, mas a filosofia de trabalho continua a mesma: vender o melhor da moda por preços justos.


As marcas próprias 
Em suas enormes lojas a C&A oferece aos consumidores uma vasta gama de produtos, que abrangem todos os estilos, comercializados sob várias marcas próprias. São 460 designers e compradores que desenvolvem coleções baseadas nas tendências da moda atual e nas inovações técnicas que ocorrem ao redor do mundo. Atualmente a empresa oferece mais de 11 marcas exclusivas, entre as quais: 
JINGLERS: linha de roupa jeans autêntica com múltiplas variações, tecidos de alta qualidade e resistência, além de visual moderno. 
CLOCKHOUSE: coleção voltada para jovens adultos entre os 18 e os 25 anos de idade com peças modernas e descoladas para o dia-a-dia, oferecendo estilos autênticos e constantemente adaptado às novas tendências da moda. 
WESTBURY: linha de roupas masculinas clássicas e de qualidade elevada em termos de tecido. É a marca para o homem exigente de hoje, e tanto serve para a reunião de negócios como para as horas de lazer. 
YESSICA: linha de roupas e acessórios para mulheres jovens e modernas. 
YOUR SIXTH SENSE: linha de roupas elegantes e clássicas para mulheres. 
RODEO SPORT: linha de roupas esportivas e confortáveis. 
BABY CLUB: linha roupas para bebês. 
HERE THERE: linha de roupas para meninas de 7 a 14 anos.


Tecnologia nas lojas 
No ano de 2012, em uma investida inédita que levou o mundo digital para dentro de suas lojas, a C&A apresentou a ação Fashion Like. A ação foi lançada para ajudar mulheres de todo o país a escolher a roupa ideal de uma determinada coleção, levando “likes” do Facebook para cabides eletrônicos em algumas lojas selecionadas. Esses cabides eletrônicos contabilizam, em tempo real, os “likes” dos internautas em cada uma das peças selecionadas da coleção. A ação aconteceu em uma arara especial, personalizada e ligada a cabides com displays digitais para mostrar em tempo real as opções “curtir” que as peças receberem. A premiada ação fez tanto sucesso que foi repetida outras vezes.


O instituto 
O Instituto C&A é uma organização sem fins lucrativos e de interesse público, que tem como foco promover e qualificar o processo de educação de crianças e adolescentes no Brasil. Foi oficialmente fundado no dia 5 de agosto de 1991, atendendo ao desejo dos acionistas da rede de institucionalizar sua política de investimento social. O Instituto C&A oferece apoio técnico e financeiro a programas e projetos sociais realizados por outras instituições da sociedade civil, também dedicadas à educação de crianças e adolescentes. As ações devem estar situadas em cidades ou regiões metropolitanas onde a empresa possui operações. Desde a sua fundação, o Instituto C&A já investiu mais de US$ 103 milhões em 1.750 projetos sociais espalhados por mais de 100 cidades brasileiras, envolvendo mais de 1 milhão de pessoas entre crianças, adolescentes, educadores e agentes de investimento social. O Instituto é responsável, também, pelo programa de voluntariado da C&A, onde aproximadamente 20% dos funcionários da empresa atuam como voluntários nas organizações apoiadas pelo instituto.


A evolução visual 
No decorrer dos anos o logotipo da C&A sofreu inúmeras modificações. Foi em 1928 que a marca adotou um logotipo muito parecido com o atual. Em 1958 o azul e o vermelho foram definitivamente adotados pela marca. A atual tipografia de letra foi utilizada pela primeira vez em 1998. A atual identidade visual da marca foi apresentada em 2011.


Os slogans 
Abuse do seu poder. (2011) 
Tá na vitrine, tá na C&A. (2009) 
Todo mundo na moda. (2008) 
Abuse e Use C&A. (1989) 
Prazer em conhecer C&A. (1986) 
Você e a moda. (1985) 
A passarela da moda. (anos 80) 
Estar na moda é estar bem. 
Tá na moda. Tá na mão, tá na C&A. 
O poder da moda. 
Fashion for Living.


Dados corporativos 
● Origem: Holanda 
● Fundação: 1841 
● Fundador: Clemens e August Brenninkmeyer 
● Sede mundial: Vilvoorde, Bélgica e Düsseldorf, Alemanha 
● Proprietário da marca: Cofra Holding AG 
● Capital aberto: Não (subsidiária) 
● Chairman & CEO: Lucas Brenninkmeyer 
● Faturamento: US$ 9.5 bilhões (estimado) 
● Lucro: Não divulgado 
● Lojas: + 1.900 lojas 
● Presença global: 23 países 
● Presença no Brasil: Sim 
● Maiores mercados: Alemanha, Brasil, Holanda, França e Bélgica 
● Funcionários: 37.500 
● Segmento: Varejo (Moda) 
● Principais produtos: Roupas, calçados, acessórios e eletrônicos 
● Concorrentes diretos: H&M, Zara, Topshop, Renner e Riachuelo 
● Ícones: O bailarino Sebastian 
● Slogan: Abuse do seu poder. 
● Website: www.cea.com.br 

A marca no mundo 
Na atualidade, a empresa tem mais de 1.575 lojas sob o nome C&A (incluindo C&A KIDS), empregando mais de 37.000 pessoas, principalmente em 20 países europeus. O país europeu que mais possui lojas da C&A é a Alemanha com mais de 500 unidades, seguida da Holanda, França, Bélgica, Áustria e Espanha. No Brasil são mais de 260 lojas espalhadas por 23 estados e mais de 100 cidades (somente a capital paulista são 26 unidades), por onde passam diariamente mais de 1 milhão de consumidores. A rede ainda possui mais de 80 lojas no México, algumas unidades na China e compra seus produtos de 900 fornecedores em mais de 40 países. Anualmente aproximadamente 650 milhões de consumidores passam por suas lojas no mundo todo. 

Você sabia? 
No Brasil, a C&A é também um dos maiores varejistas em produtos e serviços financeiros, oferecendo cartões de crédito, seguros, títulos de capitalização e entre outros. Na Europa seus serviços financeiros são oferecidos através da C&A Money. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (BusinessWeek, Exame, Época Negócios e Isto é Dinheiro), jornais (Valor Econômico e Meio Mensagem), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Mundo Marketing) e Wikipedia (informações devidamente checadas). 

Última atualização em 5/1/2014

11 comentários:

ercegovac disse...

Bom dia !

Pra mim não existe muito isso de loja melhor ou pior até porque não procuro marca e sim qualidade, marca no meu ponto de vista não é sinonimo de qualidade. Bom gosto sim da C&A mas não costumo comprar muito lá por que muitas das vezes não encontro o estilo de roupa que normalmente uso.

Abraço e um Feliz Natal...

Leila disse...

Eu também adoro a CeA. Recentemente voltei de minha primeira viagem à Europa, e fiquei surpresa em encontrar CeA em Paris, Madri e até em Heidelberg na Alemanha. E pra melhorar peguei a liquidação de inverno. Gostaria de saber se existe CeA em Orlando, FL.

gustavo gustavão gu gâs gus guto.. disse...

oi!
eu adoro a C&A!
gosto das roupas de lá dos preços acessiveis das pessoas que lá trabalham, aliáis muitos simpáticos os assossiados! gosto de trabalhar nessa empresa (é eu trabalho nela tbm)estou na minha segunda loja do grupo. gostaria de saber dos responssáveis pelo site (se houver) sobre as informações se estão atualizadas? achei que tinha muito masi de 70 lojas no Brasil.
b1.gustavo@yahoo.com.br
Abraço!

Fabio Costa/funcionario cea disse...

Eutrabalho na cea ha cinco anos e nunca tinha visto a hitória dessa forma tão resumida e de fácil entendimento parabéns pelo post.
abraço

Manuela disse...

Olá, eu estou fazendo uma pesquisa de mercado à respeito da C&A e gostaria de saber se alguém pode me informar as atuias marcas que a C&A vende e as logomarcas. Se alguém tiver essa informação por favor envie ao meu e-mail: manuelademarque@yahoo.com.br

FERNANDA MARA disse...

AMO MUIIIIIIIIIIIITO A C&A

ADORO PASSAR MEU CARTÃOZINHO LÁ!!!!!!


ESTOU FAZENDO UM TRABALHO SOBRE A EMPRESA SE ALGUÉM PUDER ME AJUDAR E BOM TBM!!!!!!!BOM....

thiago disse...

Adoro a loja !!


Adoro as roupas coleções Fantasticass!!

parabéns a loja e funcionarios !!

Anônimo disse...

olá meu nome é ilania e estou fazendo uma pesquisa sobre a cea quero saber o historico,visão,missão e valores da empresa se alguem souber me ajude ok essas informaçaoes são muito importantes. imail crislima96@hotmail.com obrigada

Luara Oliveira disse...

Obrigada por disponibilizar uma matéria dessa.

Anônimo disse...

Karamba a C&A é de outro pais e eu pensava que ela era 100% brasileira

Anônimo disse...

Muito bom :) Mas acho que está precisando ser atualizado novamente.