2.5.07

TRIUMPH INTERNATIONAL


A TRIUMPH INTERNATIONAL é uma marca voltada para oferecer a mulher conforto e sensualidade quando o assunto é roupa íntima. A marca se mantém no topo pela qualidade de seus produtos, pela vanguarda com a utilização de novos materiais e criatividade, área onde a empresa inova a cada coleção e dita tendências de mercado, tanto que já possui criações para serem lançadas nos próximos cinco anos.

A história
Há mais de cem anos produzindo sedução, a marca TRIUMPH INTERNATIONAL passou de uma clássica e modesta confecção de espartilhos para uma grande empresa multinacional ainda hoje controlada pelas mãos da iniciativa privada. Quando os fundadores da empresa, o comerciante Michael Braun e o fabricante de espartilhos Johann Gottfried Spiesshofer, aventuraram-se a produzir espartilhos dentro de um celeiro na pacata Heubach, no estado de Wurttemberg, no sul da Alemanha, em 1886, contavam apenas com um investimento de 2.000 marcos, seis funcionários e seis máquinas de costura. A “roupa de baixo” que eles produziam era desenhada para proteger, aquecer, apoiar, dar forma e - sobretudo - disfarçar o corpo. Com aguçado tino empresarial, em 1894, os dois empreendedores assinaram um contrato de exportação de espartilhos, com rendas e laços, para a puritana Inglaterra, aumentando, assim, substancialmente sua produção. Dois anos mais tarde iniciou a exportação para os Estados Unidos.


Logo no início do século, o vestuário íntimo feminino, cujas peças possuíam estruturas rígidas (feitas com ossos de baleias) e eram excessivamente apertadas, começou a se soltar e ganhar um pouco de conforto, quando o espartilho, literalmente desceu pelo corpo feminino e se transformou em cinta. As mulheres, principalmente as europeias, eletrizadas por novos modismos como o tango, começavam a vestir-se e a comportar-se com mais descontração e, assim, a expor mais sua personalidade. Novas gerações trouxeram a energia e o ardor da juventude para os negócios da empresa. Somente em 1902, reconhecendo a necessidade de criar uma marca de fácil memorização e que fosse entendida em qualquer local do mundo, o nome TRIUMPH foi registrado, sendo inspirado no “Arco do Triunfo” (Arc de Triomphe) localizado em Paris. Nos anos 30, a empresa alcançou a posição de maior fabricante de roupas íntimas da Europa. Após quase 50 anos de crescimento contínuo, detido apenas pela Primeira Guerra Mundial, em 1933, foi lançada a base do que viria a ser a expansão internacional da TRIUMPH com a inauguração de sua primeira subsidiária em Zurzach, na Suíça.


Após tempos difíceis em virtude da Segunda Guerra Mundial, em 1948 a produção foi retomada. Mais dinâmica do que nunca, em 1953, a empresa recuperou sua posição de líder europeia na fabricação de roupas íntimas e, devido ao seu renome internacional, passou a se chamar TRIUMPH INTERNATIONAL. A partir de então, nada mais conseguiu deter seu programa de expansão. Entre 1954 e 1959, quando a Du Pont lançou a Lycra, seu milagroso fio de elastano, revolucionando os conceitos de elasticidade e conforto, a TRIUMPH inaugurou subsidiárias na Bélgica, Grã Bretanha, Suécia, Itália, Finlândia, Noruega, Dinamarca, Áustria e Holanda. Ainda em 1959, apresentou em Berlim o maior desfile de lingerie de todos os tempos, atraindo a atenção dos principais jornalistas de moda do mundo e virando manchete internacional. No início dos anos 60 inaugurou novas subsidiárias na Espanha, Grécia, França e Portugal e, a partir de 1964, deu continuidade a expansão para o Extremo e Médio Oriente, instalando-se no Japão, Singapura, Malásia, Taiwan e alguns países árabes. No ano seguinte a empresa já vendia roupas íntimas em 92 países ao redor do mundo.


Ao passo que os negócios internacionais da TRIUMPH cresciam, aumentava também sua importância como empresa do mundo da moda. Ao seguir a filosofia de adaptação à cultura e condições de cada país, a TRIUMPH foi uma das primeiras empresas a produzir modelos específicos para as medidas asiáticas. No final desta década, em 1969, o Triumph 70 Fashion Show mais uma vez ganhou o prestígio de maior desfile internacional de lingerie e moda íntima do mundo. Vinte e três modelos e dançarinas viajaram um total de 72.000 quilômetros e apresentaram-se para mais de 30.000 espectadores em vários países europeus e asiáticos. Em 1970, além de sua principal linha de produto, moda íntima, a empresa lançou também moda praia e noite. Novos avanços na área tecnológica como a moldagem de bojos e a solda eletrônica, tornaram o processo de costura tradicional ultrapassado.


Em 1972, a empresa ingressou oficialmente no mercado brasileiro e fechou acordo de licença de fabricação na África do Sul. Inaugurou também novas subsidiárias de produção, venda e exportação nas Filipinas e Tailândia, um novo distribuidor licenciado na Indonésia e uma nova subsidiária no Chile. No decorrer dos próximos anos, a TRIUMPH logo reconheceu que, da mesma maneira que com as roupas comuns, as roupas íntimas eram o reflexo de uma atitude para com a vida. Começou assim a estabelecer os fundamentos para uma política inovadora de produtos, acoplada a altos padrões de materiais e mão de obra qualificada. O constante desenvolvimento de novos materiais e de novos processos de fabricação rapidamente proporcionou a elaboração de roupas íntimas confortáveis e macias, traduzidas em formatos, cores e cortes da moda. Com a compra da marca de lingerie Valisère em 1990, a TRIUMPH aumenta a diversidade da sua oferta de produtos. Ainda nesta década, a empresa emprega na fabricação de suas roupas íntimas o algodão orgânico e os colchetes livres de níquel.


Atualmente, novas oportunidades de vendas estão se abrindo: em vários países europeus, as mulheres adquirem calcinhas em supermercados, junto com as compras da semana. Novos processos especiais permitem a produção de peças íntimas com perfume de rosas, violetas e várias outras fragrâncias - e pasmem até mesmo chocolate. A TRIUMPH está atenta a tudo isso, transformando conforto, desejo e sensualidade em uma arma a disposição de qualquer mulher. A empresa oferece linhas de lingeries e moda praia para cada tipo de mulher, como por exemplo, a MISS TRIUMPH (lingeries com materiais leves, suaves e confortáveis, dirigidas para um público mais jovem), ESSENCE (a linha mais sofisticada e luxuosa da marca), FASHION (reúne as propostas mais trendy e arrojadas da marca), LOMEE (biquínis mais elegantes, com detalhes que se revelam nas propostas em preto com discretos apontamentos dourados) e ABAO (permite uma versátil combinação de cores lisas e padrões, que resulta em visuais de praia diferentes).


A linha do tempo
1954
Lançamento do sutiã com as alças de estiramento, fabricadas com fios elásticos.
1962
Lançamento de sua primeira coleção de biquínis e maiôs.
1966
Lançamento da linha de lingerie DOREEN, feita de poliéster com 15% de elastano.
1978
Lançamento da marca SLOGGI, composta por roupas íntimas de cóton, preços mais acessíveis e voltada para um público mais jovem.
1998
Lançamento do sutiã SIMPLY SOFT, sem emendas e que através do calor do corpo se moldava a silhueta de cada mulher.
2001
Lançamento do sutiã MINMIZER, que reduz, opticamente, o volume dos seios e é altamente confortável.
Lançamento do sutiã SOFT SECRET, moldado em microfibra opaca e com aro invisível.
2007
Lançamento da linha FLOWER CURVES, que traz glamour em todas as peças, combinando conforto, beleza e sedução. Sua modelagem diferenciada apresenta decote ousado que valoriza seios e colo. Peças básicas, com detalhes aplicados em bordados, garantem uma sensualidade discreta e elegante. Fabricada em microfibra e em cores delicadas (branco, porcelana e berry), a linha apresenta um leve brilho que contrasta com a beleza do bordado e o acetinado das alças, formando uma composição clássica.
Lançamento da linha STARLET CURVES, apostando assim na tendência outwear – a lingerie que fica a mostra. A linha trazia sutiã com um charmoso bordado na alça centralizada nas costas. O detalhe pode ser removido e substituído por alças elásticas multifuncionais que permitem usar e abusar de decotes, presenças garantidas nos dias quentes de verão.
2008
Lançamento da linha LORETTA SOFT, ideal para mulheres que precisam de lingerie com sustentação. Composta por um sutiã de linhas clássicas, mas contemporâneas e dois modelos diferentes de calcinhas, confeccionados com tecidos leves e tecnológicos, que se adaptam ao corpo como uma segunda pele.
2010
Lançamento da SHAPE, uma linha que retoma os conceitos das cintas antigas, mas em uma versão mais sedutora e moderna.
2011
Lançamento da TRIUMPH ESSENCE, uma linha de lingerie sofisticada e sedutora, personificada pela modelo Helena Christensen, embaixadora da marca.


Prêmio ao design
Lançado em 2008, o TRIUMPH INSPIRATION AWARD (TIA) oferece a oportunidade para jovens e talentosos designers iniciarem uma possível carreira profissional no segmento de roupas íntimas. O concurso anual de estudantes abrange uma variedade de design e conta com temas criativos e inovadores que são seguidos pelos participantes. Com este concurso internacional os vencedores podem assistir sua criação ser comercializada em série limitada nas lojas da TRIUMPH espalhadas pelo mundo. Na primeira edição, um júri composto por celebridades do mundo fashion, como os estilistas Viktor e Rolf, a modelo Helena Christensen, a celebrada fotógrafa Ellen von Unwerth e o diretor de marketing da empresa Jan Rosenberg, decidiram premiar o design “Under Skin” de Midori Matsuo do Japão. A versão comercial deste design esteve disponível em lojas selecionadas da TRIUMPH em todo o mundo a partir de agosto de 2009. Hoje participam do concurso estudantes de mais de 30 países.


A evolução visual
Recentemente, em 2008, a TRIUMPH modernizou sua identidade visual com o lançamento de um novo e moderno logotipo.


Dados corporativos
● Origem: Alemanha
● Fundação: 1886
● Fundador: Michael Braun e Johann Gottfried Spiesshofer
● Sede mundial: Munique, Alemanha
● Proprietário da marca: Triumph International AG
● Capital aberto: Sim
● Chairman: Jan Rosenberg
● CEO: Gerhard Geuder
● Faturamento: €1.66 bilhões (estimado)
● Lucro: Não divulgado
● Lojas: 2.100
● Presença global: 120 países
● Presença no Brasil: Sim
● Funcionários: 37.000
● Segmento: Roupas íntimas 
● Principais produtos: Lingeries, camisolas, pijamas e moda praia
● Concorrentes diretos: Wonderbra, Hanes e Duloren (Brasil)
● Slogan: For the Body – for the Senses.
● Website: www.triumph.com

A marca no Brasil
Presente no Brasil desde 1968, após a aquisição da Fábrica de Filó, a TRIUMPH em pouco tempo se destacou no mercado brasileiro de moda íntima. Respeitando a filosofia de descentralização do Grupo, a filial brasileira cria todos os produtos respeitando o corpo, a cultura e o comportamento da mulher brasileira. Graças a uma intensa política de manutenção dos mais exigentes padrões de qualidade, permanente inovação tecnológica e atualização de suas coleções, a marca se mantém entre as três maiores no mercado brasileiro de moda íntima. Sediada na cidade de Nova Friburgo no estado do Rio de Janeiro, numa área industrial de 43.000m², emprega atualmente cerca de 1.300 pessoas.


A marca no mundo
A TRIUMPH está presente em mais de 120 países e detém 50% do mercado mundial de lingerie. Ostenta vendas anuais superiores a US$ 1.6 bilhões, empregando mais de 37.000 pessoas no mundo. A empresa comercializa seus produtos através de mais de 40.000 clientes de atacado, com quem mantém excelentes relações comerciais, além da densa rede de lojas próprias (ou franqueadas) que somam mais de 2.100 unidades. Os maiores mercados da empresa são Japão, Alemanha, China, Itália, França e Taiwan Japão, Alemanha, China, Itália, França e Taiwan. A TRIUMPH é proprietária de marcas como SLOGGI, HOM (marca francesa de roupas íntimas masculinas, adquirida em 1986) e VALISERE (menos no Brasil onde é de propriedade da Rosset).

Você sabia?
Nos Estados Unidos não é possível encontrar a marca TRIUMPH, pois há um acordo no país onde a empresa produz peças para a Victoria’s Secret. No Europa ocorre o contrário. Só que em 2012 a VS inaugurou sua primeira loja no continente europeu, rompendo assim o acordo. Resta saber quando a TRIUMPH ingressará no mercado americano.


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers).

Última atualização em 24/8/2012

3 comentários:

edna.moran@hotmail.com disse...

HÁ ANOS USO SOUTIEN DA MARCA TRIUMPH, MAS O QUE EU GOSTAVA MESMO SAIU DE LINHA, ENTOU DEPOIS DE TENTAR E TENTAR O QUE MAIS DEU CERTO FOI O BR 42C-CLASSIC SFOT W, POREM JA ACONTECEU 2 VEZES, COMIGO, ELE ESTRAGA, ESFARELA, DE USAR NAS COSTAS,( ONDE FECHA ) PORÉM NA RENDA EM FRENTE, FICA PERFEITO...FICO DECPCIONADA EM TER QUE JOGAR,,,SENDO QUE SE FOSSE TODO DE RENDA,OU OUTRO TECIDO,PODERIA USAR BEM MAIS,...POR FAVOR LEVE A SERIO MINHA RECLAMAÇÃO...AFINAL SOU UMA CLIENTE FIEL...OBRIGADA
EDNA MORAN

ivanete disse...

Sou usuaria ha muitos anos e um modelo que eu gosto muito, a etiqueta esta apagada nao sei onome do modelo qual e. Por favor me ajudem.

Anônimo disse...

Sou usuária de uma calcinha de algodão tipo tanga, que tem uma etiqueta escrito STAR e o número 0505-2.
Não tenho encontrado esse modelo para comprar.
Quero saber se ainda está sendo fabricada e onde encontrar.
Obrigada